Náusea e vômito

Náusea e vômito são sintomas comuns a vários problemas de saúde. Eles podem diminuir significativamente a qualidade de vida de uma pessoa.

Náusea é uma sensação que, muitas vezes, antecede o vômito
Náusea é uma sensação que, muitas vezes, antecede o vômito
PUBLICIDADE

As náuseas e os vômitos são dois sintomas comuns a várias enfermidades e destacam-se pelo intenso desconforto que causam. Podem ocorrer em todas as idades, independentemente do sexo, mas, geralmente, acometem mais crianças que adultos.

O que é náusea?

A náusea pode ser definida como uma necessidade de vomitar, uma sensação que pode ou não ser seguida de vômito. Essa necessidade é, muitas vezes, acompanhada de outros problemas, tais como sudorese fria, falta de controle na salivação, desconforto abdominal e refluxo do conteúdo do intestino delgado para o estômago.

Na náusea, o estômago relaxa-se e o ácido gástrico é temporariamente não produzido. Durante essa condição, é possível perceber também que a pressão intratorácica diminui, enquanto a abdominal eleva-se.

O que é vômito?

O vômito, também chamado de êmese, pode ser definido como a expulsão forçada e sem controle do conteúdo do estômago pela boca e até mesmo nariz. Essa expulsão ocorre em razão de uma contração muito forte dos músculos da parede torácica e abdominal. Vale destacar que, após o vômito, a náusea é cessada.

Causas da náusea e vômito

As causas da náusea e do vômito são bastante variadas, incluindo problemas neurológicos, gastrointestinais, principalmente intoxicação alimentar, uso de drogas, vertigem, anorexia, bulimia, tumores e até mesmo o uso de alguns medicamentos, como aqueles usados na quimioterapia. Problemas psicossomáticos, tais como ansiedade e medo, também podem desencadear esse problema.

A gestação é um importante fator desencadeante de náuseas e vômitos, afetando de 50 a 90% das gestantes. Esse último caso deve ser investigado sempre que ocorrer em excesso, pois a perda de grande quantidade de fluidos pode colocar a mulher e o bebê em risco.

Tratamento do vômito

Os vômitos, como já ressaltado, podem causar uma grande perda de fluidos, desencadeando problemas como desidratação e desnutrição. Para evitar complicações, é fundamental que o paciente seja hidratado gradualmente com água. Quando os vômitos tornam-se persistentes, é importante utilizar uma solução de reidratação oral para evitar grande perda de sais. No que diz respeito aos alimentos, recomenda-se evitar a ingestão de produtos sólidos.

Para evitar os sintomas relacionados com náuseas e vômitos, pode ser recomendado o uso de antieméticos. Esses fármacos são usados, principalmente, por pacientes que estão realizando quimioterapia, que passaram por cirurgia, mulheres grávidas e pessoas com enxaqueca.


Por Vanessa Sardinha dos Santos
DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Consumo de Água
Saiba como está a questão do consumo de água no mundo!

..................................................

Povos Germanos
Um estudo histórico sobre os povos germanos. Informe-se!

..................................................