Superdotados

Marc Yu: aos sete anos de idade já tocava 40 clássicos no piano.
Marc Yu: aos sete anos de idade já tocava 40 clássicos no piano.
Por Mariana Araguaia
PUBLICIDADE

Crianças superdotadas são aquelas cujo desenvolvimento mental se mostra incompatível com a sua idade, apresentando dons especiais para a aprendizagem; mesmo se comparado a adultos. Elas representam menos de 0,05% de todos os alunos matriculados na educação básica, embora tal número possa se apresentar subestimado, por falta de diagnóstico de pessoas que provavelmente se encaixam nesse perfil.

De forma geral, não é difícil para os pais identificarem que seu filho apresenta superdotação, principalmente se for feito um paralelo entre seu comportamento e o de outras crianças da mesma idade. No entanto, essa percepção tende a ser mais nítida quando se inicia a fase escolar. Alguns indicativos incluem a manifestação de interesses diferenciados, juízo moral apurado, vocabulário bem elaborado, grande envolvimento com as tarefas, e o aprendizado de leitura e escrita precocemente.

O diagnóstico não deve ser feito somente analisando o coeficiente de inteligência (QI) da pessoa, já que esse teste se foca somente na inteligência intelectual e, no caso de superdotação, a criança pode se apresentar mais hábil em outros parâmetros, como o emocional, social, acadêmico, esportivo e artístico. Assim, é importante que seja feita uma avaliação mais ampla, considerando as diversas características que o indivíduo apresenta.

A superdotação não se trata de uma doença e, por isso, não é necessário tratamento. No entanto, é importante um acompanhamento mais especializado, já que a ausência dessa intervenção pode resultar em pessoas desmotivadas, inseguras e insatisfeitas.

Além disso, em virtude principalmente da desmotivação oriunda da falta de estímulos especiais, a criança pode se tornar inquieta, ou desatenta, o que pode fazer com que sejam erroneamente diagnosticadas como tendo déficit de atenção, gerando mais problemas do que soluções para ela. Por esse motivo, é importante que, em caso de dúvidas, sejam procurados profissionais que tenham referência nesse assunto, já que o diagnóstico tende a ser mais seguro e confiável. Aqui você encontra a listagem de locais, em todo o Brasil, que oferecem atendimento especializado, necessário para essas crianças, em caso de diagnóstico positivo.

Quanto ao mercado de trabalho, essas pessoas tendem a se destacar, por geralmente serem mais criativas e apresentarem faculdades mentais apuradas, em determinadas áreas. No entanto, isso também dependerá da forma com que a empresa perceberá essa habilidade diferenciada, já que pode gerar indisposição entre as pessoas envolvidas; e também da forma com que o superdotado lida com isso, em relação às outras pessoas e ao trabalho em si.
 

Importante:

Superdotados, apesar de terem habilidades acima da média em determinados aspectos do desenvolvimento mental, não são, necessariamente, brilhantes em tudo. Esse aspecto é importante ser frisado para evitar expectativas demasiadas sobre a pessoa, o que também pode diminuir a possibilidade do superdotado desenvolver comportamento de hostilidade com as pessoas com que convive.


Por Mariana Araguaia
DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Vikings
Quais são as principais características desses povos?

..................................................

Eu lírico
Você sabe o que difere o eu lírico do autor literário?

..................................................