Missão Kepler

A missão Kepler tem por finalidade a descoberta de planetas que sejam semelhantes à Terra e que estejam em uma zona chamada de zona habitável.

O objetivo da missão Kepler é a descoberta de novos mundos.
O objetivo da missão Kepler é a descoberta de novos mundos.
PUBLICIDADE

A Missão Kepler tem por finalidade a descoberta de novos planetas que estejam orbitando outras estrelas fora de nosso Sistema Solar. Para isso, a sonda Kepler – nome escolhido em homenagem ao astrônomo Johannes Kepler, que deu importantíssimas contribuições à ciência no século XVII – foi lançada com a função de encontrar esses novos mundos.

A sonda seguirá uma trajetória que corresponde à órbita da Terra ao redor do Sol, pois, assim, nosso planeta nunca estará na frente da sonda, impedindo as observações.

Objetivos da Missão Kepler

  • Determinar a abundância de planetas com características semelhantes às da Terra, que sejam maiores ou menores que nosso planeta e que estejam em uma zona habitável, ou seja, em uma distância de suas estrelas que permita a existência de água líquida;
  • Estimar o número de planetas existentes em sistemas múltiplos de estrelas;
  • Determinar o tamanho e a forma das órbitas desses planetas;
  • Determinar as características básicas dos planetas, tais como massa, densidade, tamanho, temperatura etc.;
  • Determinar as características das estrelas ao redor das quais esses planetas orbitam;
  • Identificar outros membros presentes nos sistemas solares, enxames de galáxias, supernovas etc.

Método de detecção

A sonda Kepler possui um equipamento chamado de fotômetro que é capaz de medir a intensidade luminosa. Quando o possível planeta passar na frente de sua estrela, a intensidade luminosa diminuirá ligeiramente e, então, a observação terá início.

A sonda Kepler possui uma massa de aproximadamente 1 tonelada e detectores de luz de 2200 x 1024 pixel.

Resultados obtidos até agora pela missão Kepler

  • Número de possíveis planetas detectados até agora: 4.302
  • Número de corpos que realmente são planetas: 1.284
  • Número de planetas rochosos semelhantes à Terra: 550
  • Número de planetas que estão na zona habitável: 9

 

Ilustração da Terra e o planeta Kepler-452b
Ilustração da Terra e o planeta Kepler-452b.

Em 2015, o planeta Kepler-452b foi descoberto. Esse astro está a 1400 anos-luz da Terra, possui uma massa 60% maior que a da Terra e está em uma zona habitável, isto é, em uma região que permite ao planeta possuir água no estado líquido.


Por Joab Silas da Silva Júnior
DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Terremotos: Brasil
Pode ocorrer terremotos no Brasil? Resolva essa dúvida!

..................................................

Radioterapia
A utilidade da radioterapia no tratamento de doenças. Saiba!

..................................................