Diferença entre tornado, furacão e tufão

A diferença entre tornado, furacão e tufão está em considerações técnicas que envolvem intensidade, área de abrangência e localização.

Afinal, qual é a diferença entre furacões, tornados e tufões?
Afinal, qual é a diferença entre furacões, tornados e tufões?
Por Rodolfo F. Alves Pena
PUBLICIDADE

Uma das muitas dúvidas que existem por parte das pessoas a respeito dos fenômenos atmosféricos é a diferença entre tornado, furacão e tufão, além de outros conceitos semelhantes, como ciclones, trombas d'água e outros. Afinal, qual é o mais destrutivo? Qual ocupa uma área maior? E quais deles são mais comuns no Brasil?

Primeiramente, é importante esclarecer a diferença entre furacão e tufão, uma vez que se trata de um mesmo fenômeno, mas que recebe nomes diferentes de acordo com a localidade em que acontece. Quando ocorre no Oceano Atlântico ou nas áreas do Pacífico próximas às Américas, recebe o nome de furacão; quando se manifesta no Oceano Pacífico, mais próximo da Ásia e da Oceania, além do Oceano Índico, recebe o nome de tufão.

Já a diferença entre furacão e tornado é mais técnica. Os furacões/tufões são muito maiores, mas mais lentos que os tornados. Enquanto os primeiros se manifestam em uma velocidade sempre igual ou superior a 120 km/h e um diâmetro maior do que 200 km de extensão, os últimos apresentam-se em velocidades que podem ultrapassar os 400 km/h e diâmetros geralmente não muito maiores do que 2 km.

Os furacões ou tufões costumam durar vários dias e seguem por distâncias muito longas, chegando a percorrer centenas ou até milhares de quilômetros, ao passo em que os tornados duram apenas alguns poucos minutos e não chegam a se deslocar por grandes distâncias. No entanto, os tornados são considerados mais destrutivos por onde passam, pois apresentam ventos mais fortes, embora os estragos ocorram em áreas menores.

Uma dica rápida para diferenciar tornados e furacões: somente os tornados podem ser visualizados em toda a sua extensão a olho nu, pois os furacões são grandes demais para isso. Assim, apenas imagens de satélites e fotografias muito distantes podem mostrar a extensão de um furacão ou tufão do início ao fim.

Os furacões são maiores e mais lentos
Os furacões são maiores e mais lentos

Os tornados são menores, porém muito mais rápidos e destrutivos
Os tornados são menores, porém muito mais rápidos e destrutivos

Outra diferença entre furacão e tornado é que os furacões só se originam nos oceanos, enquanto os tornados costumam surgir nas áreas continentais. Quando os tornados surgem nos mares e não alcançam um continente, eles recebem o nome de tromba d'água. Além disso, existem tornados que se formam no ar e não chegam a tocar a superfície, o que os faz receber o nome de funis, que são mais lentos e pouco destrutivos.

Os furacões e os tufões são tipos de ciclones, mais precisamente ciclones tropicais, aqueles que se formam nas regiões da Terra localizadas entre os trópicos, em um sistema de baixa pressão e águas menos frias, geralmente próximas aos 26ºC.

Além deles, também existem os ciclones extratropicais, que se formam em latitudes mais elevadas e são menos impactantes para as sociedades, embora o Furacão Catarina, que atingiu o sul do Brasil em 2004, tenha se originado de um ciclone extratropical e provocado muita polêmica entre os cientistas e pesquisadores de ciências atmosféricas.


Por Rodolfo F. Alves Pena
DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Neutrinos
Você sabia que essa partícula é muito abundante no universo?

..................................................

Much or many?
Aprenda a usar corretamente essas palavras em inglês.

..................................................