Política de alianças para a Primeira Guerra Mundial

Os blocos opostos que se rivalizaram durante a Primeira Guerra Mundial (1914-1918) constituíram-se no final do século XIX: Tríplice Aliança X Tríplice Entente
Os blocos opostos que se rivalizaram durante a Primeira Guerra Mundial (1914-1918) constituíram-se no final do século XIX: Tríplice Aliança X Tríplice Entente
PUBLICIDADE

No final do século XIX vários países europeus industrializados forjavam alianças e acordos que culminaram, no ano de 1914, na Primeira Guerra Mundial. A Alemanha havia passado pelo processo de unificação entre 1870-1871, tornando um Estado forte e industrializado, o líder alemão Bismarck derrotou a França na Guerra Franco-Prussiana (1871). Com essa derrota, a França perdeu para a Prússia (Estado que liderou a unificação alemã) as regiões da Alsácia e Lorena.

Os alemães, temerosos de alguma retaliação francesa e a fim de manter as fronteiras que haviam adquiridos, desenvolveram uma política externa de alianças, os principais países que se tornaram aliados da Alemanha foram o Império Austro-húngaro  e a Itália, juntos formaram a Tríplice Aliança.

A França, temerosa da ascensão alemã, procurou realizar alianças; o primeiro país que fechou acordos com os franceses foi a Rússia, após a França ter garantido vultosas quantias de empréstimos para a modernização e industrialização russa no século XIX. A Inglaterra era outro país que não estava satisfeito com o desenvolvimento econômico e industrial da Alemanha, logo se aproximou da Rússia e da França e formaram a Tríplice Entente na década de 1890.

Como vimos, antes do início do século XX o continente europeu se encontrava praticamente dividido em alianças e acordos: de um lado a Tríplice Aliança (Alemanha, Império Austro-Húngaro e Itália) e de outro, a Tríplice Entente (Inglaterra, França e Rússia).

Com as alianças efetivadas no final do século XIX, cada bloco não possuía uma unidade e coesão interna, por exemplo, internamente a Tríplice Aliança possuía oposições, a Itália e a Áustria disputavam territórios; as divergências também ocorriam na Tríplice Entente, tanto a França quanto a Inglaterra não compactuavam com o regime czarista absolutista russo.

Além da política de alianças realizada antes do início do conflito, os países também praticavam a corrida armamentista, movidos pelo medo e pela desconfiança que pairava entre os europeus.

Antes do início da Primeira Guerra Mundial, em 1914, vários conflitos por questões territoriais envolveram os países europeus e suas colônias na África e na região do leste europeu, na região dos Balcãs. As alianças, os acordos e a corrida armamentista entre os países europeus já delineavam o esperado conflito mundial que ocorreu entre 1914 e 1918.


Por Leandro Carvalho
DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Gráfico de Setores
Como um gráfico de setores deve ser feito? Confira mais!

..................................................

Verbo Pôr
Retire todas suas dúvidas em relação a esse verbo. Clique!

..................................................