Posições Relativas de Retas no Plano Cartesiano

Retas paralelas
Retas paralelas
PUBLICIDADE

O plano cartesiano pode representar duas retas no plano de acordo com as seguintes posições: concorrentes ou paralelas. Essas posições são determinadas de acordo com a lei de formação de cada função do 1º grau, visto que essas funções possuem como representação geométrica uma reta. Os coeficientes angulares das retas determinam o posicionamento decorrente delas. Por exemplo:

Coeficientes angulares iguais geram retas paralelas.

Coeficientes angulares diferentes geram retas concorrentes.



O coeficiente angular de uma reta corresponde ao ângulo formado entre a reta da função e o eixo das abscissas. Na lei de formação, temos que o coeficiente angular é representado pelo valor do coeficiente de x. Por exemplo:

y = 2x + 6, coeficiente angular: 2

y = –4x + 3, coeficiente angular: –4


Retas Paralelas


As funções y = 3x – 1 e y = 3x + 2 formam retas paralelas em razão da igualdade decorrente de seus coeficientes angulares. Observe o gráfico:



Retas Concorrentes

Temos que as funções y = 2x + 1 e y = 4x + 3 são concorrentes, pois os valores dos coeficientes angulares são diferentes. Observe o gráfico.

 


Por Marcos Noé
DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Gráfico de Setores
Como um gráfico de setores deve ser feito? Confira mais!

..................................................

Verbo Pôr
Retire todas suas dúvidas em relação a esse verbo. Clique!

..................................................