Clareza textual

Cuidados com o vocabulário, com a construção sintática e com a semântica, são essenciais para a elaboração de um texto que preze pela clareza textual.

A clareza textual está relacionada com o bom uso da linguagem: sem ela a compreensão da mensagem fica seriamente prejudicada
A clareza textual está relacionada com o bom uso da linguagem: sem ela a compreensão da mensagem fica seriamente prejudicada
PUBLICIDADE

Quando escrevemos um texto, muitos elementos linguísticos devem ser levados em consideração, entre eles a clareza textual. Mas será que você sabe o que é clareza textual?

A comunicação é o objetivo principal de todos os textos, sejam eles orais ou escritos, portanto, fazer-se compreender é indispensável para o bom funcionamento da linguagem. Não basta apresentar uma ortografia e sintaxe irrepreensíveis: é preciso que as ideias sejam expostas da maneira mais clara possível, especialmente quando o assunto é a linguagem não literária.

Se você precisa escrever uma redação, relatórios, e-mails e outros documentos comuns à rotina escolar ou profissional, você deve sempre se colocar no lugar do leitor e elaborar frases que privilegiem a objetividade e o uso denotativo da linguagem, além de evitar ambiguidades que dificultem a compreensão do texto. Para ajudá-lo nessa tarefa, o Alunos Online traz dez dicas sobre clareza textual que vão aperfeiçoar a elaboração de suas ideias e argumentos. Bons estudos!

Revisar um texto é uma ótima maneira de evitar que erros relacionados com a clareza textual cheguem até o leitor
Revisar um texto é uma ótima maneira de evitar que erros relacionados com a clareza textual cheguem até o leitor

Dez dicas sobre clareza textual

1) Tenha domínio sobre o assunto: Conhecer o tema é fundamental para a clareza textual, caso contrário você terá sérias dificuldades para desenvolver ideias e argumentos de maneira eficiente.

2) Prefira frases curtas: Frases longas podem ser verdadeiras armadilhas para a compreensão de um texto, por isso, priorize construções sintáticas coesas e concisas, pois elas são facilmente entendidas pelos leitores.

3) Cuidado com a pontuação: Uma boa pontuação é imprescindível para a clareza textual. Sinais como vírgulas e pontos-finais organizam ideias e conferem sentido à mensagem.

4) Dê preferência à ordem direta: Na ordem direta, privilegia-se a seguinte construção sintática: sujeito + verbo + complemento. Evite inversões: elas funcionam bem apenas nos textos literários.

5) Para ideias abstratas, utilize exemplos concretos: Quando precisamos discorrer sobre conceitos abstratos em textos não literários, o melhor a se fazer é tecer comparações com elementos concretos. Isso facilita o entendimento da mensagem, além de torná-la mais didática e eficiente.

6) Evite abreviaturas e siglas: elas podem ser um empecilho para a compreensão da mensagem, por isso, sempre que possível, evite-as.

7) Não repita ideias e argumentos: A redundância é prejudicial para o desenvolvimento dos argumentos. Fique atento também aos pleonasmos, vício de linguagem que compromete os sentidos de um texto.

8) Evite subjetivismos: A subjetividade é outro elemento que funciona bem apenas na linguagem literária. A objetividade é primordial para a clareza textual.

9) Evite palavras cujo significado você desconheça: Essa dica parece óbvia, mas muitas pessoas acabam empregando palavras de significado desconhecido apenas para rebuscar a linguagem ou para impressionar o leitor. Esse tipo de comportamento pode gerar efeitos de sentido diferentes do esperado.

10) Saiba para quem você está escrevendo: Conhecer o público-alvo é fundamental na elaboração de um texto. Certas alusões e termos técnicos não são familiares a todos os tipos de leitores, por isso é importante que você elabore uma mensagem que seja linguisticamente viável para quem está lendo.


Por Luana Castro Alves Perez
DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Freios ABS
Como funcionam os freios ABS? Resolva essa dúvida!

..................................................

Elementos Químicos
Nomes dos novos elementos químicos da tabela periódica.

..................................................