Como arrasar na redação do Enem!

Para arrasar na redação do Enem e obter uma boa pontuação, é importante que você aprenda com as redações que atingiram a tão sonhada nota 1000.

Uma boa pontuação na redação do Enem pode contribuir para a conquista da tão sonhada vaga na universidade
Uma boa pontuação na redação do Enem pode contribuir para a conquista da tão sonhada vaga na universidade
Por Luana Castro Alves Perez
PUBLICIDADE

Você sabia que alcançar uma boa pontuação na redação do Enem pode garantir seu ingresso na universidade? A prova de redação, certamente a mais temida entre os estudantes, é a mais importante, haja vista que o candidato, se bem-sucedido, pode atingir a invejável nota 1000. Para que você consiga, se não a nota 1.000, mas pelo menos uma pontuação satisfatória, é indispensável que conheça as particularidades da redação do Enem, o tipo textual exigido e, principalmente, como desenvolver uma boa proposta de intervenção do problema.

De acordo com o Ministério da Educação, o MEC, no ano de 2014, das mais de cinco milhões de redações corrigidas, apenas 0,9% obtiveram 900 pontos ou mais e apenas 481 alcançaram a nota 1.000. Isso significa que a redação seja uma prova difícil? Não necessariamente, mas certamente significa que a maioria esmagadora dos candidatos, além de apresentar dificuldades com a modalidade escrita, não conhece as particularidades da prova. Que tal começar a conhecer agora? Melhor ainda se o aprendizado vier por meio de dicas de quem já passou pela experiência e foi bem-sucedido, não acha? Confira agora nossas dicas de redação para arrasar na redação do Enem. Boa leitura e bons estudos!

Dicas para a redação do Enem

→ Dica 1: Conheça a prova

A primeira dica e também a mais importante. Pode parecer absurdo, mas muitos candidatos não fazem ideia de como seja a redação do Enem e aí, você já sabe, o fracasso é garantido. Para evitar que sua prova seja desclassificada ou que receba uma pontuação medíocre, é indispensável que você conheça as especificidades da prova, ou seja, é importante que você saiba os critérios de avaliação usados e a forma como os avaliadores gostariam que sua redação fosse escrita. A redação do Enem é diferente da redação dos demais vestibulares, isso porque ela exige que o autor apresente uma proposta de intervenção para o problema apresentado no tema e que dê enfoque no aspecto social, apresentando argumentos que estejam de acordo com o respeito aos direitos humanos.

→ Dica 2: Leituras indispensáveis

Você já deve saber que todo bom escritor é também um bom leitor. Você pode até dominar as normas da língua portuguesa, conhecer bem todas as técnicas de redação, mas nada disso adiantará se o seu texto ficar vazio de sentidos. Mas você sabe o que pode enriquecer seus argumentos e ideias? A leitura. Os temas da redação do Enem geralmente têm relação com questões sociais, por isso é importante que você esteja atento ao que acontece no Brasil e no mundo e que esteja com a leitura em dia. Leia jornais e revistas – virtuais ou físicos – e, sempre que possível, estude assuntos relacionados com a História e a Geografia, pois uma visão histórica e cultural ampla facilitará a fundamentação de seus argumentos.

→ Dica 3: Cuidado com a linguagem

Primeira competência a ser avaliada, o domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa é imprescindível para a construção do texto. Ao longo do Ensino Médio, tomamos conhecimento das diferenças entre a linguagem coloquial e a linguagem culta, assim como aprendemos que escrita e fala são realidades diversas, portanto, devemos nos adequar aos diferentes contextos linguísticos. Enquanto na fala não existe a ideia de erro (é bom revisar o conteúdo sobre variedades linguísticas), na escrita eles não são permitidos, exceto nos casos do uso literário da linguagem. Para adequar-se à norma culta da língua, evite marcas de oralidade na escrita, apresente um vocabulário preciso e fique atento aos seguintes elementos:

→ Dica 4: Liste suas ideias antes de escrever o texto

Essa é uma tática muito útil na hora de transferir as ideias para o papel, pois evita que o candidato se perca nas muitas ideias que porventura possam surgir. Sabemos que o tempo nunca está a favor do candidato quando o assunto é a redação do Enem, mas, se possível, em uma folha de rascunho, liste as ideias possíveis sobre o tema e os itens-chave que nortearão seu texto. Essa estratégia permite que você desenvolva sua redação com mais calma, pois você não estará começando do zero, afinal de contas, antes de começar a escrever, você já pensou sobre o que dizer, o que facilitará o processo. Essa dica favorece sua criatividade, além de evitar que você se esqueça de abordar aspectos importantes para o desenvolvimento da argumentação.


Por Luana Castro Alves Perez
DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Pôde ou pode?
Será que apenas uma das expressões está correta?

..................................................

Migrações
Revise os seus conhecimentos sobre esse assunto. Clique!

..................................................