Primeiro e Segundo período medieval

O primeiro período medieval foi representado pelo Trovadorismo e o segundo, pelo Humanismo
PUBLICIDADE

Desde que passamos a compreender um pouco mais acerca da Literatura, entendemos que essa arte, aqui em solo brasileiro, começou um pouco tardiamente, uma vez comparada ao que ocorreu em terras europeias. Partindo então dessa premissa, tenha certeza de que reservamos um pouco mais desse precioso espaço para levar até você um pouco mais desses acontecimentos ocorridos além-mar, por dois motivos: o primeiro deles, obviamente, para que você possa ampliar os conhecimentos de que precisa dispor sobre a Literatura em si, e o segundo, para nós, importantíssimo, diz respeito ao fato da importância de se envolver com a magia que somente essa arte nos proporciona.

Dessa forma, ao imergir neste espaço, terá a oportunidade de estreitar um pouco mais desses laços, conhecendo acerca do que foi o primeiro período medieval, representado pelo Trovadorismo, bem como do que representou o segundo deles, caracterizado pelo Humanismo. Esse primeiro, demarcado em pleno regime feudal, teve início em 1189, quando Paio Soares de Taveirós compôs a Cantiga da Ribeirinha e a dedicou a uma dama da corte portuguesa. O segundo, por excelência, teve início quando Fernão Lopes foi nomeado cronista-mor da Torre do Tombo. Mas... não iremos discutir muito acerca do que foi todos eles, não é verdade?  Sim, pois caso contrário estaríamos adiantando algumas das novidades que aqui se encontram preparadas para você.

Como se vê, nada melhor que convidá-lo(a) a desfrutar de todas elas... cantigas de amor, de amigo, novelas de cavalaria, teatro de Gil Vicente, enfim... clique e confira, pois o espaço é todo seu!!!


Por Vânia Maria do Nascimento Duarte
DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Anuros
E aí, já ouviu falar sobre esses animais? Nosso portal explica!

..................................................

Dica de Matemática
Descubra as propriedades da desigualdade nas inequações.

..................................................