Uso da crase

O uso da crase costuma gerar dúvidas entre os falantes da língua portuguesa. Saber quando ou não empregar o acento indicador de crase pode ser mais fácil do que você imagina.

O uso da crase está condicionado a algumas regras. Conhecê-las é fundamental para o emprego adequado do acento grave indicador de crase
O uso da crase está condicionado a algumas regras. Conhecê-las é fundamental para o emprego adequado do acento grave indicador de crase
Por Luana Castro Alves Perez
PUBLICIDADE

“Tem crase ou não tem crase”?

Quem nunca fez essa pergunta para si mesmo ou para um professor? A verdade é que o uso da crase ainda não é ponto pacífico para a maioria das pessoas, que, por desconhecerem algumas regras gramaticais, acabam cometendo deslizes que poderiam ser facilmente evitados.

Que tal aprender mais sobre o funcionamento do idioma em vez de ficar preocupado em decorar regras e mais regras ortográficas? Para ajudar você a afastar de vez o fantasma da dúvida, o Alunos Online elaborou cinco dicas sobre o uso da crase que certamente vão facilitar a sua vida no momento da escrita. Vamos lá? Fique atento e bons estudos!

Cinco dicas sobre o emprego do acento grave:

A crase não acontece antes de nomes masculinos; antes das preposições até, desde e para; antes da maioria dos pronomes de tratamento
A crase não acontece antes de nomes masculinos; antes das preposições até, desde e para; antes da maioria dos pronomes de tratamento

Dica 1 → Entenda o que é a “crase”: Antes de partirmos para as próximas dicas, é essencial que você saiba o que é a crase. A crase é o nome do fenômeno linguístico que indica a fusão de dois “as”: ela acontece sempre que a preposição “a” encontra-se com o artigo “a”, elemento que antecede substantivos femininos. O nome deste sinal gráfico ( ` ) não é crase, ele deve ser denominado “acento grave” e surgiu para indicar o fenômeno da fusão dos elementos acima citados, certo?

Dica 2 → A crase deve ser empregada somente antes de palavras femininas: Por indicar a fusão entre a preposição “a” e o artigo determinado feminino “a”, a crase não acontece antes de palavras masculinas. Para que depois você não fique confuso, observe a única exceção para essa regra:

→ Há situações em que a expressão “à moda de” não está explícita na frase. Observe:

Ele fez um gol à Pelé. (Ele fez um gol à moda de Pelé)
Ele comprou um par de sapatos à Luís XV. (Ele comprou um par de sapatos à moda de Luís XV).

Portanto, ainda que as palavras Pelé e Luís XV sejam substantivos masculinos, o acento grave indicador de crase deve ser empregado.

Dica 3 → A crase acontece em expressões que indicam horas: Exceto se as horas vierem antecedidas de preposições diferentes de “a”, como desde, para e até. Observe:

Eles ficaram esperando até as 14h, depois foram embora.
Eles agendaram uma visita para as 9h.
Ela está aguardando a consulta desde as 8h.

Nos outros casos, é obrigatório o emprego do acento grave:

Encontraremos nossos amigos no cinema às 14h.
Às 15h nosso voo segue para São Paulo.

Dica 4 → A crase não ocorre antes de palavras masculinas: Você já sabe que, por indicar a fusão entre a preposição “a” e o artigo feminino “a”, a crase não deve ser empregada antes de nomes masculinos. Ainda assim existem situações em que as dúvidas podem surgir, especialmente nas seguintes ocorrências linguísticas:

Falei a respeito do problema para a empresa de telefonia.
Ele veio a pé para a escola.
O réu foi a júri popular.
O casal viajou a bordo de um navio.
A paciente será submetida a uma cirurgia a laser.

Dica 5 → Diante da maioria dos pronomes e das expressões de tratamento, com exceção dos pronomes senhora, senhorita e dona:

Diga a ela que não vamos à festa da escola.
Entreguei a todos os candidatos os documentos necessários.
Mostrarei a vocês as fotografias do nosso casamento.
Isso não diz respeito a nenhum de nós.


Por Luana Castro Alves Perez
DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Clima tropical
Estude as características desse clima e onde encontrá-lo.

..................................................

Cafeína
Você sabia que a cafeína pode causar dependência? Confira!

..................................................