Desodorantes e antitranspirantes: qual a diferença?

Os desodorantes e os antitranspirantes ajudam a combater o suor, que tem odor desagradável.
Os desodorantes e os antitranspirantes ajudam a combater o suor, que tem odor desagradável.
Por Jennifer Rocha Vargas Fogaça
PUBLICIDADE

O suor é uma importante função do corpo humano que controla a nossa temperatura e aumenta a hidratação da pele. Ao evaporar, o suor retira calor do corpo, fazendo com que ele se resfrie.

O suor em si não apresenta problema algum, sendo que sua composição quase toda é de água, cerca de 99%. O corpo também elimina outros compostos por meio do suor, como os íons cloreto, sódio, potássio e amônio, sais de ferro, ureia, ácido lático, proteínas, etc. Assim, o suor quase não apresenta cheiro.

O problema consiste nas bactérias presentes em nossa pele que decompõem as substâncias liberadas pelo suor em outras de odor desagradável, como, por exemplo, o ácido carboxílico abaixo (ácido 3-metil-hex-2-enoico):

Podem ser produzidos também o ácido butírico (C3H7COOH), o ácido caproico (C5H11COOH) e outros, associados a aminas e mercaptanas. O odor desagradável que é produzido por essas substâncias, principalmente ácidos carboxílicos, é denominado bromidrose.

As glândulas apócrinas, que produzem esse tipo de suor com materiais gordurosos, só entram em funcionamento depois da puberdade; por isso, o suor dos bebês e das crianças não apresenta odor desagradável.

O suor de bebês não apresenta odor desagradável.
O suor de bebês não apresenta odor desagradável.

Lavar as regiões do corpo que secretam o suor com água e sabonete ou sabão pode ajudar a diminuir esse odor desagradável, mas só isso não é o suficiente. Por isso, foram desenvolvidos dois tipos de compostos que ajudam a combater a bromidrose: os desodorantes e os antiperspirantes (antitranspirantes). Vejamos como cada um deles age:

• Desodorantes: eles agem no controle das bactérias presentes na derme da pele. Com a diminuição das atividades microbianas, o odor é mascarado. O principal constituinte da maioria dos desodorantes é o triclosan, mostrado abaixo:

Estrutura do triclosan: componente ativo de desodorantes que inibe o crescimento de bactérias.
Estrutura do triclosan: componente ativo de desodorantes que inibe o crescimento de bactérias.

Os desodorantes também podem conter álcool e essências.

Visto que essas bactérias se proliferam em meio ácido, a neutralização desse meio com substâncias básicas, como o hidróxido de magnésio (Mg(OH)2), presente no leite de magnésia, ou o bicarbonato de sódio (NaHCO3), presente também em talcos desodorantes, pode provocar a morte desses microrganismos.

• Antiperspirantes (antitranspirantes): como o próprio nome diz, seu objetivo é inibir a transpiração, mantendo o corpo relativamente seco. Isso é feito por meio de cátions que causam o fechamento dos dutos das glândulas sudoríparas.

Um cátion que faz isso por coagular proteínas é o alumínio (Al3+), que é produzido pelo cloridrato de alumínio (Al2(OH)5Cl). No entanto, alguns médicos acreditam que o uso frequente de produtos desse tipo pode levar ao acúmulo de alumínio no organismo. Isso poderia provocar doenças como mal de Alzheimer e câncer de mama.


Por Jennifer Rocha Vargas Fogaça
DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Soluções
Revise os seus conhecimentos sobre tipos de soluções.

..................................................

Olho humano
Conheça os nomes das estruturas que formam os olhos.

..................................................