Nomes dos novos elementos químicos

Em 2016, a IUPAC aprovou os nomes dos novos elementos químicos adicionados à Tabela Periódica.

Nomes dos novos elementos químicos da Tabela Periódica
Nomes dos novos elementos químicos da Tabela Periódica
Por Diogo Lopes Dias
PUBLICIDADE

O ano de 2016 foi marcado não só como o ano em que a Tabela Periódica foi completada, mas também pelo fato de a União Internacional da Química Pura e Aplicada (IUPAC) ter aprovado os nomes dos novos elementos químicos adicionados à tabela, mesmo que de forma provisória.

Desde que Mendeleev e depois Moseley montaram a tabela periódica atual até o final do ano de 2015, o sétimo período estava incompleto. Ainda não haviam sido adicionados a ela os elementos de números atômicos 113, 115, 117 e 118. Porém, vale ressaltar que todos os quatro novos elementos já haviam sido descobertos até o ano de 2011.

Até o final do ano de 2016, os nomes dos novos elementos eram:

  • Elemento 113: Ununtrium, descoberto em 2003;

  • Elemento 115: Ununpentium, descoberto em 2004;

  • Elemento 117: Ununseptium, descoberto em 2004;

  • Elemento 118: Ununoctium, descoberto em 2010.

A partir do mês de dezembro de 2016, a IUPAC autorizou os nomes sugeridos pelos grupos de pesquisadores que descobriram cada um dos novos elementos, também chamados de elementos superpesados, por possuírem elevada massa atômica.

→ Nihônio (nome do elemento de número atômico 113)

Nihônio, cuja sigla é Nh, é um elemento que apresenta massa atômica igual a 286 u, apresenta características metálicas (é um metal) e pertence à família IIIA (também chamada de família do boro ou grupo 13).

Seu nome foi proposto pelo grupo de pesquisadores que o descobriu, grupo que pertence ao laboratório de Riken no Japão. O nome sugerido pelo grupo foi Nihonium, em referência à palavra Nihon, que significa Japão ou terra do sol nascente, sendo, então, uma homenagem ao país no qual ele foi descoberto.

→ Moscóvio (nome do elemento de número atômico 115)

Moscóvio, cuja sigla é Mc, é um elemento que apresenta massa atômica igual a 288 u, possui características metálicas (é um metal) e pertence à família VA (também chamada de família do nitrogênio ou grupo 15).

Seu nome (moscovium) foi proposto pelo grupo de pesquisadores que o descobriu, grupo que pertence a um laboratório em pesquisas em Física Nuclear localizado em Dubna, uma cidade próxima à capital russa (Moscou).

OBS.: Vale ressaltar que o grupo de pesquisadores do laboratório de Duna teve o apoio e a participação de laboratórios da região do Tennessee (Estados Unidos). São eles: Laboratório Nacional Lawrence Livermore, Laboratório Nacional de Oak Ridge e o Laboratório da Universidade de Vanderbilt.

→ Tenesssino (nome do elemento de número atômico 117)

Tenessino, cuja sigla é Ts, é um elemento que apresenta massa atômica igual a 294 u, é um ametal e pertence à família VIIA (também chamada de família dos halogênios ou grupo 17).

Seu nome foi proposto pelo grupo de pesquisadores que o descobriu, grupo que pertence a uma rede integrada de laboratórios. São eles: Laboratório Nacional Lawrence Livermore, Laboratório Nacional de Oak Ridge e o Laboratório da Universidade de Vanderbilt, todos localizados no estado norte-americano do Tennessee.

OBS.: Vale ressaltar que o grupo de pesquisadores do laboratório de Duna também participou do desenvolvimento desse elemento.

→ Oganosseno (nome do elemento de número atômico 118)

Oganosseno, cuja sigla é Og, é um elemento que apresenta massa atômica igual a 294 u, possui características de um gás nobre (elemento de difícil interação atômica) e pertence à família VIIIA (também chamada de família dos gases nobres ou grupo 18).

Seu nome foi proposto pelo grupo de pesquisadores que o descobriu, grupo que pertence ao laboratório de Riken no Japão. O nome sugerido pelo grupo foi Oganesson, em referência ao físico nuclear Yuri Oganessian, que teve grande participação no desenvolvimento de elementos transactinídeos (elementos artificiais de número atômico maior que 103).


Por Diogo Lopes Dias
DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Linha do Equador
A linha do Equador recebeu este nome por causa do país?

..................................................

Perímetro
O cálculo do perímetro é mais fácil do que você imagina.

..................................................