Alunos Online


Estruturas secretoras das plantas

As estruturas secretoras das plantas são estruturas capazes de liberar secreções importantes para o vegetal. Tricomas e hidatódios são exemplos dessas estruturas.

As plantas apresentam algumas estruturas que garantem a secreção de substâncias para o meio externo ou, ainda, para o interior delas. Essas secreções apresentam as mais variadas funções para o vegetal e podem ser secretadas por estruturas individualizadas ou multicelulares. Essas estruturas são chamadas de estruturas secretoras.

De uma maneira geral, podemos classificar as estruturas secretoras em dois grandes grupos: as que secretam substâncias pouco modificadas ou não modificadas e as que secretam substâncias que foram por essas estruturas sintetizadas.

→ Estruturas que secretam substâncias pouco modificadas

As estruturas que secretam substâncias pouco ou até mesmo não modificadas são: hidatódios, glândulas de sal e nectários.

  • Hidatódios: estruturas localizadas na margem das folhas que eliminam substância de composição variada – desde água pura até soluções formadas por compostos orgânicos e inorgânicos. Essa eliminação de secreção pelos hidatódios é denominada gutação e ocorre apenas em situações especiais, como quando a umidade está alta e o local bem irrigado, por exemplo.

Leia também: Gutação


Gutação é o processo de eliminação de secreção pelos hidatódios

  • Glândulas de sal: típicas de plantas que vivem em ambiente salino, ajudam a evitar que os minerais se acumulem no tecido das plantas de maneira nociva. Um exemplo de local onde podemos encontrar plantas com essas glândulas são os mangues.

    Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  • Nectários: secretam o néctar, que apresenta como importantes componentes a sacarose, glicose e frutose. Uma das funções dos nectários é garantir a atração de agentes polinizadores. Vale destacar que os nectários estão presentes em diversas partes do vegetal, podendo ser classificados quanto à posição em extrafloral e floral.

→ Estruturas que sintetizam as substâncias secretadas

As estruturas que secretam substâncias que foram sintetizadas por elas são várias, merecendo destaque os tricomas urticantes, as glândulas digestivas e os laticíferos.

  • Tricomas urticantes: produzem uma secreção capaz de desencadear uma reação alérgica. Essa secreção é eliminada quando o tricoma é tocado por algum organismo. Tal reação alérgica garante uma certa proteção para a planta, que passa a ser evitada por alguns herbívoros.

  • Glândulas digestivas: responsáveis por produzir enzimas digestivas. Elas são típicas de plantas carnívoras, que conseguem a digestão das presas graças à presença dessas enzimas.

Não deixe de conferir: Plantas carnívoras


Laticíferos garantem a produção do látex

  • Laticíferos: estruturas que garantem a produção do látex, produto que apresenta uma composição variável, dependendo da espécie estudada. Como exemplo de planta produtora de látex podemos citar a seringueira.

Glândulas digestivas produzem enzimas para garantir que a planta carnívora consiga digerir sua presa

Glândulas digestivas produzem enzimas para garantir que a planta carnívora consiga digerir sua presa

Por: Vanessa Sardinha dos Santos