Alunos Online


Fígado

O fígado é o segundo maior órgão do corpo e está relacionado, entre outras funções, com o metabolismo de carboidratos, lipídeos e proteínas e a produção da bile.

Por: Vanessa Sardinha dos Santos O fígado está localizado na cavidade abdominal, abaixo do diafragma

O fígado está localizado na cavidade abdominal, abaixo do diafragma

O fígado é a maior glândula do corpo e o segundo maior órgão, perdendo apenas para a pele. Seu peso é de, aproximadamente, 1500 g e está localizado na cavidade abdominal, logo abaixo do diafragma.

Características gerais do fígado

O fígado é um órgão de coloração marrom-avermelhada, de superfície lisa, revestido por uma cápsula de tecido conjuntivo. Essa cápsula é delgada, tornando-se mais espessa na região do hilo, um local por onde a veia porta e a artéria hepática entram no órgão e os ductos hepáticos e linfáticos saem. Costuma-se dividir o fígado em dois lobos principais: o direito e o esquerdo, os quais estão separados pelo ligamento falciforme.

Esse órgão apresenta profunda relação com o sistema digestório, uma vez que os nutrientes absorvidos são processados e armazenados nesse local. A grande maioria dos nutrientes absorvidos chega ao fígado pela veia porta, com exceção dos lipídios complexos, que chegam ao órgão por meio da artéria hepática.

No fígado, encontram-se células especiais denominadas hepatócitos, as quais estão agrupadas em placas conectadas. Essas células possuem várias funções, como a síntese de proteínas, secreção da bile, armazenamento dos nutrientes absorvidos no intestino delgado e desintoxicação. Elas estão dispostas radialmente nos lóbulos, que são unidades estruturais do fígado.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Uma característica peculiar do fígado é sua capacidade de regeneração. Essa capacidade, apesar de restrita em seres humanos, é importante para assegurar transplantes cirúrgicos.

Funções do fígado

O fígado apresenta importantes funções para o organismo. Entre elas, podemos citar:

  • Desintoxicação do organismo.

  • Coagulação, uma vez que sintetiza fatores de coagulação.

  • Produção de eritrócitos no embrião (hematopoiese).

  • Síntese de importantes proteínas plasmáticas, como a albumina.

  • Regulação do metabolismo de carboidratos, lipídeos e proteínas.

  • Armazenamento de substâncias, como o glicogênio e vitaminas.

  • Função imunológica.

  • Garante a produção da bile, uma secreção rica em sais que atuam como detergente, emulsificando as gorduras, o que ajuda na absorção de lipídios. Apesar de ser produzida no fígado, a bile é armazenada na vesícula biliar. Sua secreção é contínua, mas é aumentada após as refeições. A produção de bile é de 500 ml a 1000 ml por dia.

Cirrose

A cirrose é uma doença que afeta o fígado, causando progressiva degeneração e inflamação desse órgão. Ela caracteriza-se pela formação de cicatrizes (fibrose), que alteram a arquitetura normal do órgão. A causa mais comum de cirrose é o alcoolismo.