Alunos Online


Hipercifose

A hipercifose é um desvio postural em que o indivíduo apresenta uma curvatura muito acentuada na região torácica da coluna vertebral.

Por: Vanessa Sardinha dos Santos A hipercifose caracteriza-se por um aumento na curvatura na região torácica

A hipercifose caracteriza-se por um aumento na curvatura na região torácica

Os desvios posturais são bastante comuns na população. Suas causas são as mais variadas, que podem ser desde má formação até postura inadequada. Esses desvios são graves e devem ser tratados como problemas de saúde e não apenas como uma condição estética. Podemos citar como desvios posturais a escoliose, hiperlordose e hipercifose.

→ Hipercifose

Na coluna vertebral, existe uma curvatura “para fora” na região torácica. Essa curvatura é denominada de cifose e é uma condição normal. Algumas vezes, no entanto, o grau de curvatura pode ser bastante aumentado, o que caracteriza um quadro de hipercifose.

Na hipercifose, as costas ficam arqueadas, formando a famosa corcunda. Isso acontece porque a cintura escapular projeta-se para a frente, a escápula desloca-se para baixo e para frente e a cabeça é projetada para frente. Como consequência dessa curvatura, observamos ainda uma diminuição da capacidade de expansibilidade torácica, déficit respiratório e encurtamento vertebral.

Observe a diferença entre uma coluna normal e uma com hipercifose
Observe a diferença entre uma coluna normal e uma com hipercifose

→ Causas da hipercifose

As causas da hipercifose são variadas e, entre elas, podemos destacar defeitos congênitos, traumas, osteoporose, tumores, infecções e doenças ósseas. Em algumas mulheres, o peso das mamas também pode provocar esse aumento da curvatura da coluna.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A má postura também pode desencadear a hipercifose e é uma situação bem comum, uma vez que são poucas as pessoas que se preocupam em adotar uma postura adequada durante todo o dia. Nesses casos, dizemos que há uma hipercifose postural, em que ocorrem curvas mais flexíveis e corrigíveis na coluna.

→ Tratamento da hipercifose

Quando a hipercifose instala-se, o paciente pode apresentar dor nas costas, fadiga e rigidez da coluna. O tratamento da hipercifose é, normalmente, fisioterapia convencional, que tem como objetivo fortalecer os músculos, garantir o alongamento peitoral e fortalecer a região abdominal e lombar. Além da fisioterapia convencional, o RPG (Reeducação Postural Global) pode ser recomendado, bem como o Pilates. O exercício físico também é importante no tratamento da hipercifose, especialmente para aquelas pessoas que apresentam pequenas curvaturas.

Em casos especiais, pode ser recomendado o uso de coletes. Vale salientar que os coletes nunca devem ser comprados por conta própria, pois é necessária a indicação de um médico. Nos casos mais avançados de hipercifose, nos quais se observa uma grande curvatura, pode ser recomendada a cirurgia.