Alunos Online


Copa do Mundo 2018

A Copa do Mundo é uma competição de futebol organizada pela FIFA a cada quatro anos. Trata-se do torneio mais importante do gênero, sendo acompanhado por bilhões de pessoas.

Por: Daniel Neves Silva Atual taça da Copa do Mundo que é entregue para as seleções vencedoras desde 1974 *

Atual taça da Copa do Mundo que é entregue para as seleções vencedoras desde 1974 *

A Copa do Mundo é um evento esportivo organizado pela Federação Internacional de Futebol (FIFA) e aconteceu pela primeira vez em 1930. Essa é a competição de futebol mais importante que existe atualmente. A sua realização ocorre a cada quatro anos em sedes que são escolhidas em eleições organizadas pela própria FIFA.

A Copa do Mundo é um evento gigantesco e possui altíssima audiência, mas que também é realizado a partir de investimentos altíssimos por parte dos países que sediam a competição. Exemplificando, a Copa de 2014, realizada no Brasil, contabilizou uma audiência de 3,2 bilhões de pessoas. Somente a final foi assistida por aproximadamente 1 bilhão de pessoas.

Nas questões dos gastos, na Copa de 2014, o Tribunal de Contas da União (TCU) estimou que o Brasil gastou com obras relacionadas à organização da Copa do Mundo um total de 25 bilhões de reais, dos quais 8 bilhões foram utilizados apenas na construção dos estádios que receberam os jogos|1|.

Leia também: Zabivaka: mascote da Copa do Mundo de 2018

Fundação da Copa

Selo albanês com ilustração da Taça Jules Rimet, entregue aos campeões de 1930 a 1970**
Selo albanês com ilustração da Taça Jules Rimet, entregue aos campeões de 1930 a 1970**

A primeira Copa do Mundo foi organizada em 1930, no Uruguai, e todos os jogos foram realizados na cidade de Montevidéu – capital do país. A organização da Copa do Mundo está diretamente relacionada com o surgimento da FIFA enquanto entidade responsável pela profissionalização do futebol.

A fundação da FIFA aconteceu em 1904 e contou com a adesão inicial das seguintes nações: Bélgica, Dinamarca, França, Holanda, Espanha, Suécia e Suíça (a Inglaterra, país onde surgiu o futebol, só ingressou na FIFA em 1905). A FIFA foi criada, inclusive, com o mote de organizar uma competição internacional de seleções, mas as condições políticas para isso só se estabeleceram na década de 1920.

Um dos idealizadores dessa ideia foi o holandês Carl Anton Wilhelm Hirschman, um dos responsáveis pelo surgimento da FIFA. A ideia havia sido debatida durante a década de 1900 e 1910, porém, sem sucesso. Somente com a eleição de Jules Rimet ao cargo de presidente da FIFA, foi possível realizar o evento.

Jules Rimet é considerado um dos grandes responsáveis pelo crescimento e popularização do esporte no mundo. A organização da primeira Copa do Mundo sob a presidência de Jules Rimet está diretamente relacionada com o sucesso das competições de futebol organizadas nos Jogos Olímpicos em 1924 e 1928, ambas vencidas pelo Uruguai. Daí vem o apelido de Celeste Olímpica da seleção uruguaia.

Em virtude do sucesso da competição de futebol nas Olimpíadas e do encantamento causado pelo futebol praticado pela seleção uruguaia, dirigentes da FIFA organizaram uma série de reuniões a partir de 1924 com o objetivo de debater as possibilidades de criar uma competição de futebol desvinculada das Olimpíadas.

A decisão final saiu em 1928, durante um encontro realizado em Amsterdã, e foi determinado que a primeira Copa do Mundo aconteceria em 1930. A escolha da sede (Uruguai) também foi alvo de intensos debates. É importante mencionar que, além dos uruguaios, as seguintes nações ofereceram-se para sediar o evento: Hungria, Itália, Holanda, Espanha e Suécia.|2|

Por que o Uruguai foi o primeiro país a sediar a Copa do Mundo?

A escolha do Uruguai ocorreu pelos seguintes fatores: esportivamente falando, a seleção uruguaia era a grande potência do futebol mundial e era bicampeã olímpica (haviam sido campeões em 1924 e 1928). Além disso, naquele ano, comemorava-se o centenário da independência do país (tornou-se independente em 1828).

Todavia, o fator mais relevante foi o financeiro: o Uruguai comprometeu-se a pagar as despesas de todas as seleções participantes, além de prometer a construção de um estádio gigantesco próprio para a competição (o Estádio Centenário)|3|. A escolha do Uruguai, no entanto, desagradou a várias federações europeias – algumas delas boicotaram o Mundial.

Primeira Copa do Mundo

A primeira Copa do Mundo contou com a participação de treze seleções: Bélgica, Romênia, Iugoslávia e França (países europeus); Estados Unidos e México (países norte-americanos); Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Paraguai, Peru e o Uruguai (sul-americanos). Essa competição foi vencida pelo Uruguai, que ganhou da Argentina por 4x2 na final. A participação brasileira foi modesta – a seleção foi eliminada na Primeira Fase (perdeu para a Iugoslávia por 2x1 e venceu a Bolívia por 4x0).

A criação da Copa na primeira metade do século XX foi pensada abarcando apenas o futebol masculino. A Copa do Mundo de futebol feminino só foi organizada pela FIFA pela primeira vez em 1991 e, assim como a competição masculina, acontece a cada quatro anos. A competição feminina tem os Estados Unidos como nação mais vencedora (três títulos), seguida da Alemanha (dois títulos) e do Japão e Noruega com um título cada.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Evolução do Mundial

A primeira Copa do Mundo iniciou-se de maneira modesta e contou com apenas 13 seleções. Algumas boicotaram o Mundial; outras não estavam dispostas a encarar a viagem de navio até a América do Sul. Hilário Franco Júnior também aponta que a Crise de 1929 levou muitas nações a desistir de participar da competição|4|.

A evolução da competição é perceptível a partir dos números, seja de espectadores, seja também pela quantidade de participantes. Dos treze participantes iniciais, a Copa do Mundo contou com 16 participantes em 1934, 15 participantes em 1938 e 13 participantes em 1950. A competição não foi realizada em 1942 e 1946 por causa da Segunda Guerra Mundial.

Entre 1954 e 1978, a competição contou com 16 seleções participantes. Entre 1982 e 1994, 24 seleções participaram. O modelo atual (de 32 seleções) foi instituído a partir da Copa de 1998. A partir da Copa de 2026, a competição contará com a participação de 48 seleções.

As vagas atualmente são distribuídas da seguinte maneira:

  • Europa: 13 vagas

  • América do Sul: 4,5 vagas

  • África: 5 vagas

  • Ásia: 4,5 vagas

  • América Central, do Norte e Caribe: 3,5 vagas

  • Oceania: 0,5 vaga.

  • Vaga obrigatória da seleção que sedia o evento.

As federações continentais da América Sul, Ásia, América Central, do Norte e Caribe e da Oceania possuem uma quantidade de vagas “não inteira” porque as duas últimas vagas da Copa são disputadas em uma repescagem por um representante de cada federação. Exemplificando: para a Copa de 2018, durante a repescagem internacional, o Peru derrotou a Nova Zelândia, e a Austrália (que joga pela federação da Ásia) derrotou Honduras.

Lista das sedes e dos campeões da Copa do Mundo:

Veja uma lista com um resumo de todas as Copas (1930 a 2014) e informações sobre as sedes, o jogo final e o artilheiro de cada edição.

Ano

Sede

Jogo final

Artilheiro

1930

Uruguai

Uruguai 4x2 Argentina

Guillermo Stábile (8 gols)

1934

Itália

Itália 2x1 Checoslováquia

Oldrich Nejedly (5 gols)

1938

França

Itália 4x2 Hungria

Leônidas da Silva (7 gols)

1950

Brasil

Uruguai 2x1 Brasil

Ademir Menezes (9 gols)

1954

Suíça

Alemanha Ocidental 3x2 Hungria

Sándor Kocsis (11 gols)

1958

Suécia

Brasil 5x2 Suécia

Just Fontaine (13 gols)

1962

Chile

Brasil 3x1 Checoslováquia

Garrincha, Vavá, Leonel Sánchez, Flórián Albert, Drazan Jerkovic e Valentin Ivanov (4 gols)

1966

Inglaterra

Inglaterra 4x2 Alemanha Ocidental

Eusébio (9 gols)

1970

México

Brasil 4x1 Itália

Gerd Muller (10 gols)

1974

Alemanha Oc.

Alemanha Ocidental 2x1 Holanda

Grzegorz Lato (7 gols)

1978

Argentina

Argentina 3x1 Holanda

Mario Kempes (6 gols)

1982

Espanha

Itália 3x1 Alemanha Ocidental

Paolo Rossi (6 gols)

1986

México

Argentina 3x2 Alemanha Ocidental

Gary Lineker (6 gols)

1990

Itália

Alemanha Ocidental 1x0 Argentina

Salvatore Schillaci (6 gols)

1994

EUA

Brasil 0x0 Itália (3x2 pênaltis)

Hristo Stoichkov e Oleg Salenko (6 gols)

1998

França

França 3x0 Brasil

Davor Suker (6 gols)

2002

Japão e Coreia do Sul

Brasil 2x0 Alemanha

Ronaldo (8 gols)

2006

Alemanha

Itália 1x1 França (5x3 nos pênaltis)

Miroslav Klose (5 gols)

2010

África do Sul

Espanha 1x0 Holanda

Thomas Müller, David Villa, Wesley Sneijder e Diego Forlán (5 gols)

2014

Brasil

Alemanha 1x0 Argentina

James Rodríguez (6 gols)

2018

Rússia

 

 

A partir dessa lista podemos perceber que as nações que venceram, ao menos, uma edição da Copa do Mundo foram: Brasil (5 títulos); Alemanha e Itália (4 títulos cada); Argentina e Uruguai (2 títulos cada); Inglaterra, França e Espanha (1 título cada).

|1| TCU contabiliza 25,5 bilhões de gastos com a Copa do Mundo. Para acessar, clique aqui
|2| CABO, Alvaro Vicente Graça Truppel Pereira do. O estabelecimento da FIFA e a realização da primeira Copa do Mundo de futebol no Uruguai – Uma visão oficial a partir de Jules Rimet. Para acessar, clique aqui
|3| JÚNIOR, Hilário Franco. Dando tratos à bola: ensaios sobre futebol. São Paulo: Companhia das Letras, 2017, p. 20-21.
|4| Idem, p. 21.

*Créditos da imagem: Fifg e Shutterstock
**Créditos da imagem: Lefteris Papaulakis e Shutterstock