Alunos Online


Bluetooth e infravermelho

O Bluetooth e o infravermelho são tecnologias de transmissão de dados a distância que utilizam ondas eletromagnéticas para transferir as informações.

Por: Joab Silas da Silva Júnior O <i>headset</i> é uma tecnologia de transmissão de dados por Bluetooth utilizada para receber e fazer ligações

O <i>headset</i> é uma tecnologia de transmissão de dados por Bluetooth utilizada para receber e fazer ligações

Bluetooth e infravermelho são tecnologias de transmissão de dados a distância, e sua utilização agiliza o transporte de informações sem a necessidade do uso de fios ou cabos. Mesmo cumprindo a função básica de transferência de informação, as duas tecnologias são utilizadas com finalidades distintas.

A transferência de dados feitas por essas tecnologias ocorre por meio de ondas eletromagnéticas, as quais são tipos de ondas que não precisam de meio de propagação e que viajam na velocidade da luz (3,0 x 108 m/s).

Infravermelho

O infravermelho é um tipo de onda eletromagnética que possui frequência de oscilação menor que a da luz vermelha, por isso, está fora do espectro visível e não pode ser percebida pelo olho humano.

Os dados transferidos via infravermelho são enviados de um emissor até um aparelho receptor, que recebe e interpreta as informações. Os controles remotos utilizados em alguns aparelhos eletrodomésticos, como os televisores, funcionam por meio de infravermelho.

As vantagens da utilização do infravermelho é o baixo custo dos equipamentos que funcionam com essa tecnologia. Como desvantagem, pode-se citar a possibilidade de interrupção da transmissão caso algum objeto opaco interponha-se entre o emissor e o receptor.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Bluetooth

A transmissão de dados via Bluetooth é feita por radiofrequência. Para utilizar essa tecnologia, os aparelhos devem ser pareados, então, as informações são passadas através de ondas de rádio com frequência de 2,4 G Hz (2,4 bilhões de ondas por segundo). Comparadas com as realizadas por infravermelho, as transmissões por essa tecnologia são feitas em distâncias maiores, sem apresentar possibilidade de interrupção. Caixas de som, fones de ouvido e os headsets sem fio são exemplos de aplicações do Bluetooth.

A empresa criadora do Bluetooth escolheu esse nome, que significa “dente azul”, em homenagem ao rei dinamarquês Harald Bluetooth, cujas lendas retratam-no com os dentes azulados. Esse nobre rei ficou famoso por unir seu país à Noruega, e assim como ele fez essa união, essa tecnologia visa integrar dispositivos a partir de trocas de dados a distância.