Alunos Online


Heinrich Hertz

Heinrich Rudolf Hertz foi um físico alemão que se dedicou principalmente à comprovação experimental da existência das ondas eletromagnéticas.

Por: Joab Silas da Silva Júnior Heinrich Hertz comprovou a existência das ondas eletromagnéticas por meio do experimento da centelha secundária

Heinrich Hertz comprovou a existência das ondas eletromagnéticas por meio do experimento da centelha secundária

Heinrich Rudolf Hertz foi um físico alemão que nasceu em Hamburgo, no ano de 1857. Desde sua educação básica, Hertz apresentava interesse por temas científicos e, após servir o exército, ingressou na Universidade de Berlim, em 1878, para cursar Física. Em 1880, Hertz tornou-se assistente do professor Von Helmholtz e, durante seu trabalho ao docente, dedicou-se ao estudo da propagação de descargas elétricas em gases.

Em 1883, o físico tornou-se professor da Universidade de Kiel e desenvolveu estudos a respeito das teorias propostas por Maxwell. Em 1886, Hertz descobriu a forma de produção e propagação das ondas eletromagnéticas, trazendo a comprovação experimental que ainda não existia para as teorias de Maxwell.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Ao utilizar bobinas ligadas a faiscadores, Hertz percebeu que uma centelha gerada em uma das bobinas provocava uma centelha secundária em outra bobina. A centelha secundária apresentava menor brilho e menor intensidade, mas certamente era resultado de um processo eletrodinâmico. Ao repetir o experimento inúmeras vezes, o cientista comprovou a existência de ondas com as mesmas características da luz.

Como homenagem à dedicação e às descobertas feitas por Heinrich Rudolf Hertz, o Sistema Internacional de Unidades (SI) utiliza a unidade hertz (Hz) para a frequência de oscilações. O nobre cientista teve uma morte prematura, falecendo em Bonn no dia 1º de janeiro de 1893, aos 36 anos de idade.