Alunos Online


Movimento Circular Uniforme

Por: Domiciano Correa Marques da Silva Movimento circular da Lua em torno da Terra

Movimento circular da Lua em torno da Terra

A figura acima nos dá uma ideia de como ocorre o movimento da Lua em torno da Terra. Se um corpo qualquer descreve uma trajetória circular, tendo sua velocidade angular constante, dizemos que este corpo descreve um movimento circular uniforme. Existem vários outros exemplos a respeito do movimento circular uniforme. Como mostra a figura abaixo, o movimento circular uniforme apresenta as seguintes características:

- trajetória – circunferência
- velocidade vetorial – constante em módulo, direção variável
- aceleração tangencial – nula
- aceleração centrípeta – constante em módulo, direção variável
- frequência e período – constante

Vetor velocidade e vetor aceleração

Levando-se em conta que a velocidade vetorial é constante em módulo, a velocidade média é igual à velocidade instantânea. Assim, a partícula em M.C.U. efetua deslocamentos iguais em intervalos de tempos iguais. Partindo das grandezas angulares, temos:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Desta para o tempo t0 = 0, temos:

A equação em destaque (amarelo) acima representa a função horária da posição angular para um corpo em M.C.U. A velocidade angular ω no movimento circular uniforme é constante, ou seja, ela não sofre variação, e pode ser relacionada com a frequência ou com o período do movimento. Quando um móvel qualquer descreve uma volta inteira (completa), temos que Δθ = 2π rad e Δt = T.

Fazendo as substituições na equação da velocidade angular, temos:

A velocidade vetorial é constante em módulo, mas variável na direção, portanto o M.C.U. não pode apresentar aceleração tangencial, mas somente aceleração centrípeta, dada por: