Alunos Online


Pêndulo de Newton

O pêndulo de Newton consiste na união de cinco pêndulos colocados lado a lado. Esse instrumento auxilia o estudo da conservação da quantidade de movimento.

Por: Joab Silas da Silva Júnior No pêndulo de Newton, a energia e a quantidade de movimento são transmitidas de esfera a esfera

No pêndulo de Newton, a energia e a quantidade de movimento são transmitidas de esfera a esfera

Criado por Isaac Newton para a demonstração dos efeitos gerados a partir da colisão de corpos e da conservação da energia, o chamado pêndulo de Newton constitui-se de um conjunto de cinco pêndulos, feitos com esferas de mesma massa, que são colocadas lado a lado de modo que permaneçam em contato (veja a imagem do início do texto).

Ao elevar qualquer uma das esferas posicionadas nas extremidades e abandoná-las, ela adquire energia cinética e choca-se com as demais esferas. No choque, a energia e a quantidade de movimento são conservadas e transmitidas de esfera a esfera até que a última esfera as receba e seja ejetada.


 

                

Em situações reais, o movimento dos pêndulos não dura muito, pois a energia é dissipada principalmente por meio do som gerado pelo choque entre as esferas.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Questão sobre pêndulo de Newton no Enem

Questão ENEM - O pêndulo de Newton pode ser constituído por cinco pêndulos idênticos suspensos em um mesmo suporte. Em um dado instante, as esferas de três pêndulos são deslocadas para a esquerda e liberadas, deslocando-se para a direita e colidindo elasticamente com as outras duas esferas, que inicialmente estavam paradas.

O movimento dos pêndulos após a primeira colisão está representado em:

a)

b)

c)

d)

e)

RESPOSTA: Letra “C”

A energia transmitida corresponde à velocidade adquirida por três esferas. Essa energia é capaz de ejetar três esferas no lado oposto do pêndulo de Newton.