Folclore

Folclore são manifestações populares que especificam a cultura e a identidade de um povo.

Por Sílvia Trancredi
Saci-Pererê e Curupira são personagens do folclore brasileiro
PUBLICIDADE

O antiquário inglês William John Thoms (1803 – 1885) criou o termo folclore por meio da junção das palavras inglesas folk (povo) e lore (sabedoria); sendo assim, folclore significa, literalmente, sabedoria popular. Luís da Câmara Cascudo, principal estudioso do folclore brasileiro, definiu folclore como cultura popular.

Considera-se como folclore, então, as manifestações populares que especificam a cultura e a identidade de um povo, sejam em qualquer região do mundo. A religião e as festas populares, como o Carnaval, também podem estar ligadas a essa sabedoria popular.

Vale destacar que folclore também abrange linguagem, música, dança, usos e costumes, crendices, artesanato, brinquedos, festas e literatura.

Em diversos países, incluindo o Brasil, o Dia do Folclore é celebrado em 22 de agosto, pois nessa mesma data, em 1846, o termo folclore foi usado pela primeira vez por William Thoms. A data foi oficializada no Brasil em 1965, por meio de um Decreto.

Folclore brasileiro

No Brasil, há lendas e ritos mais famosos, os quais são conhecidos pela maioria da população. Algumas dessas lendas são oriundas de narrativas mitológicas dos povos europeus. Confira as principais lendas do folclore brasileiro:

Saci-Pererê: essa lenda teve origem nas tribos indígenas da região sul do Brasil. É retratada pela figura de um menino com gorro vermelho, com apenas uma perna e com um cachimbo na boca. O Saci-Pererê é lembrado por ser travesso e por esconder objetos e queimar coisas.

Curupira: tem origem no tupi-guarani e significa corpo de menino, uma vez que “curu” é uma derivação de curumim, que significa menino, e “pira”, corpo. Conforme a lenda, o Curupira vive nas florestas e é considerado protetor de flora e fauna contra os caçadores. Ele tem os pés virados para trás e os cabelos da cor do fogo.

Bumba meu boi: é uma dança que contém elementos das culturas europeia, africana e indígena. O Bumba meu boi surgiu na região Nordeste no final do século XVIII, como maneira de criticar a situação social pela qual passavam negros e índios.

O Bumba meu boi é uma das principais lendas do folclore brasileiro
O Bumba meu boi é uma das principais lendas do folclore brasileiro*

Mula sem cabeça: tem origem desconhecida e a figura é literalmente uma mula sem cabeça que solta fogo pelo pescoço. Pesquisadores explicam que a lenda fez parte da cultura da população que vivia sob o domínio da Igreja Católica.

Iara: conforme a lenda, ela é uma bela sereia que vive no rio Amazonas e costuma cantar melodias irresistíveis, atraindo homens. A lenda destaca ainda que Iara tem o poder de cegá-los e conduzi-los para o fundo do rio.

Lobisomem: a origem encontra-se na Mitologia Grega, mas é muito conhecida no Brasil. Segunda a lenda, uma mulher que teve sete filhas terá como oitavo filho um lobisomem. A criança será pálida e magra e tomará forma de lobo aos 13 anos.

*Crédito da Imagem: Andre Luiz Moreira / Shutterstock

DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Desinências
Revise os principais tipos de flexões das desinências.

..................................................

Capivara
Conheça aspectos do maior roedor do mundo agora mesmo!

..................................................