Alunos Online


África

A África é um continente que predomina antigos planaltos desgastados pelas erosões, grandes elevações e picos vulcânicos. As principais elevações são: o monte Toubkal e a cadeia do Drakensberg e os picos vulcânicos são: Quênia e Quilimanjaro.

Possui pequena quantidade de rios, mas os que possui são caudalosos e importantes para os africanos. Entre eles, destacam-se o Nilo, Congo, Zambeze, Níger e Limpopo impróprios para navegação por conterem várias quedas d’água. Tais quedas fazem da África o maior continente hidráulico do mundo, mas esta potência não é aproveitada por causa do baixo índice industrial.

Os climas predominantes são o equatorial, o tropical, o semi-árido e o desértico, que apresentam grandes temperaturas, poucas chuvas e menor umidade. A vegetação predominante é a savana africana caracterizada por pequenas árvores e arbustos com baobás de grandes troncos e as espinhosas acácias de copas largas.

Possui uma imensa floresta equatorial bem úmida e rica em madeiras de lei. Esta floresta vem sendo explorada da forma excessiva colocando em risco a vida de animais. Sua fauna é bastante rica com leões, antílopes, zebras, gnus, diversos gorilas e chimpanzés entre tantos outros.

O solo predominante é o tropical sendo pobre de material orgânico acentuado por altas temperaturas, grande índice pluviométrico e métodos agrícolas impróprios. Nos vales e nas margens dos rios, há exceção quanto a qualidade do solo, pois na época de cheias, acumulam materiais orgânicos férteis.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A África, ainda, possui vários desertos sendo o Saara o mais importante. Neles, a variação da temperatura é bem grande. Durante o dia, a temperatura pode chegar a 50ºC e a 0ºC à noite. Esse contraste é explicado pelo grande aquecimento da areia que não armazena calor por muito tempo. Quando anoitece, a areia perde o calor por meio da irradiação resultando numa grande queda de temperatura.

É rico em minerais, seu subsolo contém 8% das reservas mundiais de petróleo e gás natural e 25% do total de urânio mundial. Há grande quantidade de ferro, fosfato, ouro, diamante e carvão que fazem da região um grande alvo da cobiça das potências imperialistas e de empresas estrangeiras.

Tais riquezas não se revertem aos africanos que predominam a agricultura mesmo com suas terras inférteis. O café, o cacau, o algodão e o amendoim são os principais produtos exportados e a mandioca, o sorgo, a batata e o arroz são os principais produtos cultivados para consumo interno.

Mapa do continente africano

Mapa do continente africano

Por: Alunos Online