Correntes de convecção da Terra

As correntes de convecção da Terra são forças endógenas responsáveis pela movimentação das placas tectônicas.

Por Rodolfo F. Alves Pena
As correntes de convecção agem abaixo da crosta terrestre
As correntes de convecção agem abaixo da crosta terrestre
PUBLICIDADE

As correntes de convecção da Terra são as formas endógenas de movimentação do magma contido abaixo da crosta terrestre, na camada que conhecemos como manto. Essas correntes são também chamadas de células de convecção por apresentarem um movimento cíclico de subida e descida dos fluídos internos do planeta. As correntes de convecção são as principais causadoras do movimento das placas tectônicas e norteiam também a direção em que esse deslocamento acontece.

A imagem e o vídeo a seguir nos ajudam a entender como funcionam as células de convecção. Observe:

Esquema didático sobre as células de convecção da Terra

Esquema didático sobre as células de convecção da Terra

Como podemos notar, a força exercida pela movimentação dos fluidos internos desloca as placas tectônicas. Vale ressaltar que o magma terrestre não é totalmente líquido, mas sim pastoso – principalmente nas partes menos profundas – e, portanto, mais denso e com uma grande capacidade de movimentar a crosta terrestre.

É claro que as correntes de convecção não são exatamente como no esquema acima. A quantidade, a velocidade de deslocamento e a forma exata como elas agem motivam vários debates, teorias e estudos no âmbito das ciências da Terra. Mas o que se sabe com certeza é que elas são as principais responsáveis pelos movimentos que ocorrem na crosta terrestre.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Agora que sabemos que o tectonismo é causado por toda essa dinâmica do magma presente no manto do nosso planeta, fica uma pergunta: o que causa o movimento das células de convecção?

Para responder a essa questão, precisamos admitir as seguintes premissas:

a) enquanto o que é mais quente é menos denso e, portanto, mais “leve”, o que é mais frio é mais denso e, portanto, mais “pesado”. Essa dinâmica é chamada de convecção térmica;

b) quanto mais perto do centro da Terra, maiores são as temperaturas.

Sendo assim, o magma que se encontra mais abaixo no manto terrestre encontra-se mais aquecido, o que faz com que ele fique menos denso e, portanto, suba para as partes superiores. Nessas regiões, que são menos quentes, o magma lentamente tem suas temperaturas diminuídas, ficando mais denso e descendo novamente para as partes mais profundas, onde o ciclo é reiniciado.

As correntes de convecção internas da Terra são, dessa forma, umas das principais demonstrações de que o relevo e tudo o que compõe o nosso planeta não são estáticos, mas sim muito dinâmicos. Isso nos ajuda a entender o quanto as formas de relevo e demais elementos modificam-se tanto com o passar das eras geológicas.

DESTAQUES
Confira os destaques abaixo

..................................................

Polissemia
Entenda aqui o que é esse fenômeno linguístico.

..................................................

Tênia do peixe
Você já ouviu falar nesse problema de saúde?

..................................................