Alunos Online


Países com escassez hídrica

Existem vários países com escassez hídrica que possuem o desafio de conservar e aumentar a disponibilidade de água e alavancar o seu desenvolvimento econômico.

A água é um bem de vital importância para os seres humanos e também para a manutenção das atividades econômicas. Seria impossível pensar a constituição e desenvolvimento de qualquer povo, território ou nação sem a existência desse recurso. Entretanto, há vários países que sofrem com a escassez hídrica, tendo de adotar medidas para combater esse problema e livrar-se ao máximo dos impactos gerados por essa realidade.

O país considerado “mais seco” do mundo, ou seja, que apresenta a menor disponibilidade de água doce, é o Kuwait, um pequeno país do Oriente Médio localizado no Golfo Pérsico, uma área predominantemente formada por desertos. Parte da água utilizada nesse país é importada e 75% dos recursos hídricos consumidos advêm do processo de dessalinização da água do mar.

Outros países do Oriente Médio também vivem em situações críticas em termos de disponibilidade de água. Citam-se, nesse ínterim, a Jordânia, os territórios palestinos, o Iraque, os Emirados Árabes e muitos outros. Nesse contexto, vale destaque para o Estado de Israel, que desenvolveu várias técnicas de exploração e aproveitamento das águas subterrâneas e também do mar, embora existam críticas sob o ponto de vista político no que se refere à atuação de Israel no Oriente Médio.

Além dessa região, o problema da escassez hídrica também afeta territórios africanos, sobretudo no norte da África, em razão do clima seco que é influenciado sobremaneira pelo Deserto do Saara. Os países ao sul do deserto, a África Subsaariana, também sofrem com a falta de água, principalmente pela ausência de recursos para o investimento em sistemas de captação e distribuição de água para a população.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A Mauritânia – no noroeste africano – é apontada por várias entidades internacionais como o país mais vulnerável a uma crise hídrica no mundo. Em seu território corre apenas o Rio Senegal, que também é utilizado e disputado por outros quatro países e por diferentes povos e etnias. A poluição do rio também é um problema sério enfrentado pelo governo do país em questão, que depende, majoritariamente, de recursos hídricos advindos de abastecimentos externos.

Existem países, por outro lado, que apresentam uma grande abundância de água em seus territórios, o que não impede, contudo, que algumas de suas regiões sofram com a carência desse recurso. No sudoeste dos Estados Unidos, algumas áreas sofrem constantemente com a seca; no Brasil, do mesmo modo, algumas áreas da região Nordeste e, mais recentemente, do Sudeste passam pelo mesmo problema.

O acesso à água é um direito universal. Mesmo assim, mais de 1 bilhão de pessoas em todo mundo sofrem com a não disponibilidade imediata de água, o que revela a necessidade de ampliar os debates e os investimentos para combater esse grave problema humanitário.

Dentre os países que sofrem com a falta de água doce, um exemplo é o Kuwait

Dentre os países que sofrem com a falta de água doce, um exemplo é o Kuwait

Por: Rodolfo F. Alves Pena