Alunos Online


Regionalização cultural do mundo

A regionalização cultural do mundo configura-se a partir da diversidade cultural existente no mundo atual e divide-o em cinco grandes civilizações.

Por: Thamires Olimpia Silva Diferenças na representação social da mulher na Civilização Islâmica e na Civilização Ocidental *

Diferenças na representação social da mulher na Civilização Islâmica e na Civilização Ocidental *

Em virtude da diversidade de características naturais, históricas, sociais e econômicas existentes no espaço mundial, o mundo pode ser regionalizado, isto é, dividido em diversos tipos de regiões. Uma dessas formas de regionalização é a partir da cultura da população mundial, que apresenta muitas diferenças a depender da região estudada.

Um exemplo dessa diversidade cultural é o papel da mulher nos diferentes países. Nos Estados Unidos, por exemplo, a maioria das mulheres possui uma autonomia e uma representatividade social bastante semelhante à dos homens. Nos países islâmicos, em contrapartida, as mulheres são vistas como seres inferiores que devem obediência aos homens, sejam pais e irmãos, sejam maridos. Na sociedade islâmica, a mulher deve evitar qualquer tipo de exposição de sua imagem, sendo muito comum o uso de burca, roupa feminina que cobre todo o corpo. Já na sociedade ocidental, existe uma superexposição da figura feminina, que, muitas vezes, é utilizada como símbolo sexual em campanhas publicitárias. Outro exemplo é a questão religiosa. Em países como o Brasil, existe liberdade religiosa, pois todos os brasileiros podem praticar qualquer tipo de religião. Já em países islâmicos, as minorias religiosas são perseguidas, havendo diversos casos de execuções de infiéis e traidores da causa islâmica.

Dessa maneira, em razão das grandes diferenças culturais encontradas no mundo, a partir do século XX, tornou-se cada vez mais utilizada a regionalização mundial que utiliza como critério a grande diversidade cultural dos povos. Essa forma de regionalizar divide o mundo em cinco grandes civilizações, cada uma com a mesma identidade cultural, ou seja, a mesma cultura. Nessa forma de regionalização, o mundo é dividido em:

  • Civilização Ocidental: caracteriza-se por sua expansão sobre o território mundial, já que teve a sua origem nas civilizações gregas e romanas e se expandiu para toda a Europa, Américas, Oceania e parte da Ásia e Africa. Apresenta como principais características: democracia, e do direito democrático, o desenvolvimento do capitalismo e religiões monoteístas (cristianismo e judaísmo).

    Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  • Civilização Islâmica: Predomina em partes da Ásia, principalmente no Oriente e no sudoeste da Ásia, e na África Setentrional. Tem como principal elemento unificador a religião Islâmica, que influencia a cultura e a política nessa área.

  • Civilização Hindu ou Indiana: Predomina na Índia, Sir Lanka, Mianmar, Nepal, Butão e Tailândia. Possui uma menor influência no Paquistão, Bangladesh, Malásia e Indonésia. Tem como principal característica o Hinduísmo.

  • Civilização Sínica ou Chinesa: É muito forte na China e em países vizinhos, como Mongólia, Coreia do Norte, Coreia do Sul, Taiwan e Hong Kong (território independente da China). De cultura milenar, é uma das mais antigas civilizações do mundo e baseia-se em três principais correntes filosóficas: confucionismo, o taoismo e o budismo.

  • Civilização Negro Africana: Abrange o território africano, principalmente a África Subsaariana. Tem como principais características as comunidades tribais, nas quais a família é valorizada, com a prática de religiões primitivas tradicionais.

Com a colonização, a expansão das religiões cristãs e do islamismo e, mais recentemente, da globalização, algumas dessas civilizações foram e são muito influenciadas pelas demais. Um exemplo disso, é a cultura tribal e as religiões tradicionais da civilização Negro Africana, que atualmente é praticada por uma minoria da população Africana. Essa diminuição ocorre, principalmente, devido a migração da população para as cidades, que dificulta o modo de vida tribal, e a expansão do Islamismo e Cristianismo no continente, que diminui a quantidade de praticantes das religiões tribais.

Além disso, é preciso ressaltar ainda que dentro dessas grandes civilizações existem diferenças culturais, minorias étnicas que não possuem os mesmos valores culturais de grande parte do grupo e conflitos causados por essas diferenças. Apesar disso, em virtude dos laços culturais entre a maioria dos membros dessas civilizações, é muito comum a utilização dessa forma de regionalização para estudar as características culturais dos diferentes povos ou grupos sociais no mundo.

Notas