Alunos Online


Acentuação da letra U

Por: Vânia Maria do Nascimento Duarte Uma questão de análise acerca das próprias regras gramaticais - eis a acentuação da letra u

Uma questão de análise acerca das próprias regras gramaticais - eis a acentuação da letra u

Andando pelas ruas, você alguma vez já atentou para o fato de algumas palavras, uma vez demarcadas com a letra u, ora receberem acento e ora serem desprovidas dele? Não! Pois bem, analisemos juntos: por que Itaú se concebe como uma palavra acentuada, enquanto caju não recebe acento gráfico?

Acerca dessas questões, caro(a) usuário(a), um aspecto que se torna relevante de ser mencionado diz respeito ao fato de as regras de acentuação, uma vez compondo as habilidades de que precisamos dispor, apresentarem-se como algo que paulatinamente tende a se tornar internalizado. Contudo, resta também dizer que isso ocorre sim, mas por meio de leituras constantes e, sobretudo, por meio de uma efetiva assiduidade com a escrita, haja vista que são os únicos meios para apreendermos acerca de todos aqueles pressupostos preconizados pela gramática. Partindo desse princípio, bem como dessa necessidade, pautemos em discutir sobre a acentuação da letra u, uma vez que se trata de um caso de análise, sim, um caso de análise acerca das próprias regras de acentuação. Por isso, vejamos alguns casos representativos:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Itaú

Jaú

Baú

Grajaú...

Há de se constatar que na separação de sílabas dessas palavras, a letra “u” se concebe como um hiato, pois se separa da vogal a que, até então, encontrava-se junto. Nesse sentido, resta-nos recordar daquela regra que profere sobre o fato de o “i” e o “u” tônicos do hiato serem acentuados, acompanhados ou não de “s”, quando isolados na sílaba. Daí a questão de todas elas serem acentuadas.

Vejamos mais algumas:

Pacaembu

Itu

Caju

Paracatu...

Quando separadas, percebe-se que, em termos de acentuação tônica, essas palavras se concebem como oxítonas, portanto, no que diz respeito às regras que demarcam tal categoria (das oxítonas), sabemos que somente se acentuam as oxítonas terminadas em a, e, o, em, seguidas ou não de “s”.  Eis a razão de elas não receberem acento gráfico.