Alunos Online


Ata

Por: Vânia Maria do Nascimento Duarte A ata constitui-se de uma estrutura específica

A ata constitui-se de uma estrutura específica

A ata, modalidade textual que integra a chamada redação técnica, é considerada um documento que registra de modo fidedigno os acontecimentos manifestados por meio de uma reunião ou assembleia. Dados os seus aspectos estruturais definidos, bem como os que regem toda e qualquer construção textual, cumpre dizer que tal modalidade possui valor legal ou administrativo, razão pela qual deve ser redigida de modo a não permitir modificações posteriores.   

Partindo de tais princípios, convém mencionar acerca de alguns detalhes que imperam nesse tipo de construção comunicativa. Entre eles, destacam-se:

* No caso de a ata ser redigida de forma manual, tal procedimento deverá constar em um livro destinado somente a esse fim, contendo termo de abertura e numeração em todas as páginas. Caso seja digitada, deverá ser arquivada em pasta específica e organizada por data;     

* Dada a impossibilidade de haver qualquer tipo de acréscimo no que diz respeito às informações prestadas, essas devem ser redigidas em linhas corridas, ausentes de paragrafação e alíneas, de modo a fazer com que o discurso ocupe de modo integral todo o espaço da página, como se fosse um único parágrafo.

* Rasuras, emendas e uso de corretivo são desaconselháveis. No caso de haver algum erro, torna-se conveniente usar o vocábulo “digo” e em seguida evidenciar a retificação ou apresentar errata ao final do texto. 

* Desaconselhável também é o uso de abreviaturas em se tratando de palavras ou expressões, pois inclusive os números devem ser expressos por extenso;

* Para descrever as ações verbais manifestadas durante o “evento” ocorrido, o uso dos verbos no pretérito perfeito do modo indicativo representa fator preponderante, tais como: decidiu, declarou, disse, entre outros.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

No que tange aos aspectos estruturais, a ata constitui-se das seguintes partes:

- Título, o qual identifica a reunião ocorrida;

- Data, sendo esta redigida por extenso;

- Local, cuja existência demarca onde se deu o acontecimento;

- Finalidade, a qual revela os objetivos da reunião;

- Presidência, indica quem se encontra presidindo a reunião;

- Discussão, votação e deliberações, evidenciam acerca do que foi discutido, votado e aprovado.      

Frente a tais elucidações, torna-se sugestivo nos atermos à forma pela qual se dá, na prática, essa circunstância comunicativa. Assim sendo, eis que segue um modelo:  


Ata da 1ª reunião da Escola Estadual (nome completo da instituição de ensino)

Aos 22 dias do mês de setembro de 2010, às dezesseis horas e trinta minutos, no auditório desta escola, sob a presença do diretor (nome completo), reuniram-se professores e demais colaboradores no intuito de discutirem e planejarem sobre a realização das aulas que serão ministradas no contraturno, funcionando como suporte pedagógico aos alunos que se encontram de dependência em algumas disciplinas. Depois de constatada a presença de todos, o diretor explanou sobre os benefícios proporcionados pelo procedimento, elencando as opiniões de todo o corpo docente e, decididamente, instaurou-se que as aulas ocorrerão duas vezes por semana durante um período de seis meses. Firmados todos os compromissos, e nada mais havendo a tratar, foi lavrada por mim (nome da secretária que atende pela escola) a presente ata e assinada por todos os presentes acima nominados e referenciados.