Alunos Online


Regência dos verbos com sentido de movimento ou estático

A regência dos verbos com sentido de movimento ou estático, como o assunto já nos indica, está determinada por esse sentido que, consequentemente, incidirá no uso correto da preposição. Para compreender tal conteúdo é importante saber que a regência nos revela a relação estabelecida entre os verbos e seus respectivos complementos. 

Assim sendo, você compreenderá agora mais uma ocorrência da língua, fazendo referência ao sentido que alguns verbos apresentam, que tanto pode ser de movimento como pode ser de estaticidade. Nesse sentido, observe:  

Os verbos que indicam movimento, como “chegar, ir, voltar”, entre outros, sempre regem a preposição “a”.  Veja, pois, alguns exemplos:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Chegamos à escola bem cedo.

Viajaremos ao Rio de janeiro, em breve.

Voltamos ao bosque cujas lembranças nos agradam.

Os verbos que indicam sentido estático, ora representados por “morar, residir, ficar”, entre outros, regem a preposição “em”. Verifique alguns casos:

Residimos na Rua João XVIII.

Moramos em João Pessoa há quatro anos.

Permanecemos em casa durante todo o feriado que passou.

A regência dos verbos com sentido de movimento ou estático é determinada pelo uso correto da preposição

A regência dos verbos com sentido de movimento ou estático é determinada pelo uso correto da preposição

Por: Vânia Maria do Nascimento Duarte