Alunos Online


Tipologia textual

Apesar de ser confundida com os gêneros textuais, a tipologia textual apresenta características próprias, organizando enunciados e a estrutura de um texto.

Por: Luana Castro Alves Perez A tipologia textual engloba os textos narrativos, dissertativos, descritivos, injuntivos e expositivos

A tipologia textual engloba os textos narrativos, dissertativos, descritivos, injuntivos e expositivos

Apesar de ainda ser bastante confundida com os gêneros textuais, a tipologia textual é uma área de estudo distinta, que apresenta características mais facilmente delimitadas do que os gêneros. Enquanto os gêneros são compostos por uma infinidade de textos, a tipologia textual gira em torno de cinco tipos de texto, que conheceremos a seguir.

A tipologia textual está associada à estrutura do texto, ou seja, à maneira como o discurso organiza-se a partir de suas características preponderantes. Ao estabelecermos tipologias claras e concisas, interpretar e produzir textos tornam-se tarefas mais fáceis, pois de acordo com a maneira com a qual os enunciados estão organizados, em uma rápida leitura, já é possível identificar a que tipo um texto pertence.

A tipologia textual define os seguintes textos em prosa e seus gêneros orais e escritos:

Narrativo

Crônica, conto, romance, fábula, biografia, etc.

A narração apresenta elementos como tempo, espaço, enredo e personagens para contar uma história ou narrar algum acontecimento, verídico ou não.

Dissertativo/Argumentativo 

Ensaio, carta argumentativa, dissertação-argumentativa, editorial, etc.

O texto dissertativo-argumentativo é o texto da opinião, no qual as ideias são desenvolvidas com a intenção de convencer o leitor. É preferencialmente escrito na terceira pessoa, configurando assim o discurso indireto.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Expositivo

Reportagem, resumo, fichamento, artigo científico, seminário, etc.

O texto expositivo apresenta informações sobre um objeto ou fato específico, enumerando suas características através de uma linguagem clara e objetiva que facilite o entendimento do leitor/interlocutor.

Injuntivo

Manual de instruções, receitas culinárias, regulamentos, editais, etc.

São os textos que têm por finalidade instruir o leitor/interlocutor, por isso o predomínio dos verbos no imperativo.

Descritivo

Laudo, relatório, ata, guia de viagem, etc.

Pode ser uma descrição objetiva ou subjetiva. Nesse tipo de texto há o predomínio do pretérito imperfeito e do tempo presente, frases nominais (sem verbo) e verbos de ligação.

Agora que você já sabe o que é tipologia textual, ficará mais fácil distinguir a tipologia dos gêneros, textos que se organizam através de uma estrutura previamente definida – os tipos –, cuja finalidade nasce do dinamismo das interações sociocomunicativas. Os tipos textuais não sofrem variações e são apenas cinco, enquanto os gêneros sequer podem ser enumerados.


Aproveite para conferir nossa videoaula relacionada ao assunto: