Alunos Online


Sais duplos

Os sais duplos são substâncias inorgânicas resultantes da neutralização de dois ácidos e uma base ou um ácido e duas bases.

Os sais duplos são substâncias inorgânicas formadas a partir da reação de neutralização entre dois ácidos e uma base ou entre um ácido e duas bases, como representado nas equações a seguir:

HX + YOH + ZOH → YZX + H2O

HX + HW + YOH → YXW + H2O

OBS.: Um ácido sempre fornece um ânion e uma base sempre fornece um cátion na formação de um sal durante uma neutralização.

Os sais duplos são chamados porque apresentam na sua constituição dois cátions ou dois ânions. Essas substâncias podem ser classificadas da seguinte forma:

a) Sal duplo quanto aos cátions: Sal formado em uma neutralização entre um ácido e duas bases.

Para reconhecê-lo, basta analisar a fórmula do sal e verificar a presença de dois metais ou um metal e o grupo amônio (NH4)

H2S + KOH + CsOH → CsKS + 2 H2O

No exemplo acima, observamos que o sal duplo formado (CsKS) apresenta dois metais (Cs e K, provenientes das duas bases) e um ânion (S, proveniente do ácido); por isso, é classificado como um sal duplo quanto aos cátions.

H3BO3 + Ca(OH)2 + AgOH → CaAgBO3 + 3 H2O

Nesse caso, o sal duplo formado (CaAgBO3) apresenta dois metais (Ca e Ag, provenientes das duas bases) e um ânion (BO3, proveniente do ácido); por isso, é classificado como um sal duplo quanto aos cátions.

H4P2O6 + Al(OH)3 + NH4OH → AlNH4P2O6 + 4 H2O

O sal duplo formado (AlNH4P2O6) apresenta dois metais (Al e NH4, provenientes das duas bases) e um ânion (P2O6, proveniente do ácido); por isso, é classificado como um sal duplo quanto aos cátions.

IMPORTANTE: Em todo sal duplo quanto aos cátions, o metal mais eletropositivo deve vir primeiro na fórmula.

Para nomear um sal duplo quanto aos cátions, basta utilizar a seguinte regra:

Nome do ânion + parênteses + duplo + de + nome do cátion MAIS eletropositivo + e + nome do cátion MENOS eletropositivo

Exemplos:

  • CsKS

Sulfeto (duplo) de césio e potássio

  • CaAgBO3

Borato (duplo) de cálcio e prata

  • AlNH4P2O6

Hipofosfato (duplo) de alumínio e amônio

b) Sal duplo quanto aos ânions: sal formado em uma neutralização entre dois ácidos e uma base.

Para reconhecê-lo, basta analisar a fórmula e verificar a presença de apenas um metal e dois ânions. Esses ânions podem ser simples, formados por dois ametais diferentes (não sendo nenhum deles o oxigênio), ou com um ou dois ânions compostos (cada ânion composto apresenta dois ametais diferentes, podendo um deles ser o oxigênio).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

H3PO4 + H2C2O4 + Sb(OH)5 SbPO4C2O4 + 5 H2O

No exemplo acima, observamos que o sal duplo formado (SbPO4C2O4) apresenta um metal (Sb, proveniente da base) e dois ânions compostos (PO4 e C2O4, provenientes dos ácidos); por isso, é classificado como um sal duplo quanto aos ânions.

H2SO3 + H2S + Ti(OH)4 TiSO3S + 4 H2O

O sal duplo formado (TiSO3S) apresenta um metal (Ti, proveniente da base) e dois ânions, sendo um composto e um simples (SO3 e S, provenientes dos ácidos); por isso, é classificado como um sal duplo quanto aos ânions.

H2S + HCl + Al(OH)3 AlClS + 3 H2O

O sal duplo formado (TiSO3S) apresenta um metal (Al, proveniente da base) e dois ânions simples (Cl e S, provenientes dos ácidos); por isso, é classificado como um sal duplo quanto aos ânions.

IMPORTANTE: Um detalhe importante é que, em todo sal duplo quanto aos ânions, o ânion mais eletronegativo deve ser escrito primeiro após o metal ou NH4.

Para nomear um sal duplo quanto aos ânions, basta utilizar a seguinte regra:

Nome do ânion mais eletronegativo + hífen + nome do ânion menos eletronegativo + de + nome do cátion

Exemplos:

  • SbPO4C2O4

Fosfato-oxalato de antimônio V

Foi utilizado o algarismo romano V (quantidade de OH na base que indica a carga do cátion antimônio) pelo fato de o elemento antimônio não pertencer às famílias IA, IIA, IIIA e não ser a prata nem o zinco.

  • TiSO3S

Sulfito-sulfeto de titânio IV

Foi utilizado o algarismo romano IV (quantidade de OH na base que indica a carga do cátion titânio) pelo fato de o elemento titânio não pertencer às famílias IA, IIA, IIIA e não ser a prata nem o zinco.

  • AlClS

Cloreto-sulfeto de alumínio





Videoaula relacionada:

Alguns sais inorgânicos podem ser duplos

Alguns sais inorgânicos podem ser duplos

Por: Diogo Lopes Dias