Alunos Online


Zinco

Zinco é um elemento metálico que possui diversas aplicações industriais, como a formação de ligas metálicas, sendo importante também para o organismo humano.

Por: Diogo Lopes Dias Sigla do elemento químico Zinco

Sigla do elemento químico Zinco

Zinco (cujo símbolo é Zn) é um elemento químico metálico que pertence ao quarto período da família IIB (grupo 12). Ele é o 23o elemento mais abundante da crosta terrestre.

Trata-se de um metal cujos relatos de utilizações datam de 2500 a.C. Na Era Moderna (dC), o zinco foi utilizado para a fabricação do latão, mas apenas no século XVI que Paracelso sugeriu a sua existência. Os químicos Anton von Swab, em 1742, e Andreas Marggraf, em 1746, foram os primeiros a conseguir isolar esse metal.

Características gerais

  • É um metal de transição;

  • É capaz de conduzir corrente elétrica;

  • Apresenta ponto de fusão igual a 419,5oC;

  • Seu ponto de ebulição é 907oC;

  • Em temperatura ambiente, é sólido;

  • Possui coloração prateada;

  • Em relação aos outros metais da Tabela Periódica, apresenta alta energia de ionização, alta eletroafinidade e baixo caráter metálico.

Características atômicas

  • Possui número atômico igual a 30;

Distribuição eletrônica de um átomo de zinco
Distribuição eletrônica de um átomo de zinco

  • Apresenta 30 prótons no interior do seu núcleo;

  • Possui 30 elétrons distribuídos em seus níveis de energia;

  • Seu subnível mais energético é o 3d10;

  • Seu subnível mais externo é o 4s2;

  • O número de nêutrons presente no interior do seu núcleo depende do isótopo do elemento zinco que estiver sendo analisado.

Fontes de obtenção

O zinco pode ser encontrado em minérios ou em alimentos naturais.

a) Fontes minerais

O zinco é comumente obtido a partir de alguns minérios que formam a crosta terrestre. Veja os principais:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  • Esfalerita (sulfetos):

Pepita do minério esfarelita
Pepita do minério esfarelita

  • Smithsonita (minério formado por carbonatos);

  • Hemimorfita (minério formado por silicatos);

  • Franklinita (minério formado por óxidos).

Esses minerais são muito encontrados em regiões como os Estados Unidos, Austrália, China e Cazaquistão.

b) Fontes alimentares

  • Carnes (bovinas, peixes, aves, frutos do mar etc.)

  • Leguminosas (gérmen de trigo e feijão)

  • Cereais de grãos integrais

  • Legumes

  • Oleoginosas (nozes, amêndoas e castanhas)

  • Derivados do leite (queijos e iogurtes)

Exemplos de alimentos ricos em Zinco
Exemplos de alimentos ricos em Zinco

Importância para o organismo humano

  • É um constituinte integral de proteínas;

  • É um cofator enzimático em diversas reações químicas que envolvem a síntese e degradação de macromoléculas.

  • Estimulante do crescimento corporal;

  • Prevenção do diabetes;

  • É um nutriente antioxidante (diminui a velocidade da degradação celular);

  • É um estimulante tireoidiano (para a produção de hormônios);

  • É um imunomodulador (favorece a ocorrência da resposta imunológica).

Utilizações gerais

  • Galvanização de estruturas de aço. O metal zinco é depositado sobre a peça de aço para funcionar como um metal de sacrifício, ou seja, o zinco sofre oxidação (degradação);

  • Produção de ligas metálicas;

  • Catalisador em algumas reações orgânicas;

  • Na forma de óxido, o zinco é utilizado como aditivo para borrachas e tintas;

  • Quando está associado ao sulfato (SO4-2), formando o sal sulfato de zinco (ZnSO4), é utilizado no desenvolvimento de tecidos (indústria têxtil) e no enriquecimento de solos;

  • Quando está associado ao cloreto (Cl-), formando o sal cloreto de zinco (ZnCl2), é utilizado para preservar madeira.